Home / Bem Estar / Como Fazer a Dieta do Jejum Intermitente

Como Fazer a Dieta do Jejum Intermitente

Segundo o maior buscador do mundo que é o Google, o jejum intermitente foi a segunda palavra chave mais buscada nos últimos meses pelas pessoas que procuram como fazer a dieta do jejum intermitente e não é difícil encontrar vários assuntos sobre o tema e pessoas que estão aderindo a essa prática. 

Mas o assunto não é tão novo assim… o ato de jejuar já era utilizado por nossos antepassados de forma corriqueira.

Esse tema começou a ser difundido no mundo Acadêmico em 2013, quando em 1998 iniciou-se as primeiras pesquisas sobre o assunto.

Fazer a dieta do jejum intermitente virou assunto em vários locais e redes sociais, inclusive até os famosos aderiram a essa dieta e uma das mais conhecidas é a Débora Seco, que após ter a sua primeira filha, disse que poderia ficar até 23 horas sem se alimentar, mas será que esse método tem algum risco? qualquer pessoa pode fazer?

Patrícia Oliveira, coaching de emagrecimento disse que “a pessoa pode começar fazendo o jejum das 19 horas às 7 horas do outro dia e intercalar dia sim, dia não”. Mas é preciso ficar atento ao organismo de cada um, pois cada pessoa reage de uma forma diferente ao jejum.

A maioria das pessoas que começam a fazer esse jejum, tem dúvidas sobre como fazer as intercalações de tempo e modo, por isso, é importante você ter um acompanhamento de um profissional para te auxiliar no que você precisa comer, quais os nutrientes necessários para que não prejudique a sua saúde.

Lei Também: Dieta 21 dias Dr. Rodolfo

Jejum Intermitente, Beneficios:

Existem vários benefícios para quem faz o jejum intermitente, como: o controle da insulina e da glicose, aumento da HDL, além de auxiliar no processo de perda de peso.

Mas é preciso ficar atento a alguns parâmetros que vão trazer resultado para você, como: o aumento do metabolismo.


As pessoas conseguem emagrecer rápido com esse jejum, uma vez que com ele diminui bastante a gordura corporal e consequentemente, a perda de peso, mas se você não estiver bem de saúde pode perder nutrientes importantes e ocasionar patologias graves.

Existem algumas restrições que você precisa saber sobre o jejum intermitente

Algumas pessoas não são indicadas para fazer a dieta do jejum intermitente, como os idosos, as crianças, mulheres grávidas, diabéticos e outras doenças que precisam de uma alimentação mais equilibrada. Também não é recomendado para quem faz musculação, por exigir muito esforço e intensidade no corpo.

O que é jejum intermitente?

É basicamente reduzir a ingestão de comida total ou parcialmente, com uma programação determinada por um período de tempo, e não existe um padrão para ser seguido, todo o planejamento ocorrerá com a individualização do paciente em fazer de acordo com suas possibilidades e limitações.

Como funciona?

Ao fazer a dieta do jejum intermitente você sofrerá  algumas alterações  metabologicas, como: controle da sociedade, da fome, maior oxidação de gordura, obrigando o seu sistema cognitivo fazer algumas adaptações voluntárias.

Essas intercalações sem comida, pode potencializar o sistema imunológico reparando as células, fechando as mais proativas e eficiente em sua defesa.




Se você quer iniciar o jejum intermitente, procure uma orientação de um profissional ou especialista na área para que possa te orientar como aplicar o método e se existe alguma restrição laboratorial para fazer.

Conclusão

Fazer jejum intermitente não é para qualquer pessoa, e vai depender de como que você faz atingindo um alto nível de força e persistência, mas não é algo impossível de acontecer, todos nós temos a capacidade de jejuar; e cada um sabe as suas próprias limitações.

No início pode parecer algo muito difícil por que foge um pouco da rotina que está acostumada, porém se tiver força de vontade, vai ter resultados satisfatórios com o jejum intermitente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.